:: Página Principal.
:: Documentário da Igreja.
:: O Poder da Santa Missa.
:: O Poder do Santo Rosário
:: Aparições de N. Senhora.
:: A Vida dos Santos.
 
:: As Grandiosas Orações.
:: As Orações e Promessas.
:: As Devoções.
 
:: O Relógio da Paixão.
:: A Divina Misericórdia.
:: A Mediação de Maria.
 
:: A Catequese do Papa.
:: Guerreiros da últ. Ordem.
:: Os Sinais do Apocalipse.
 
:: O Estudo da Liturgia.
:: A Imitação de Cristo.
:: Confessai-vos bem.
 
:: Confissões do Inferno.
:: O Milagre de Lanciano.
:: A Contrição Perfeita.
 
:: Eucaristia ou Nada.
:: Beato João Paulo II.
:: Papa Bento XVI.
 
:: O Catecismo da Igreja.

Os Sinais do Apocalipse.

 

A Sagrada Escritura diz:

Haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas. Na terra a aflição e a angústia apoderar-se-ão das nações pelo bramido do mar e das ondas. Os homens definharão de medo, na expectativa dos males que devem sobrevir a toda a terra. As próprias forças dos céus serão abaladas. (Lc. 21, 25-26)

 

www.obradoespiritosanto.com

 

 


Foto feita com pouco definição do asteroide YU22 em março de 2010.
(Foto: Nasa / Cornell / Arecibo)

Asteroide gigante passará próximo da Terra em novembro, diz Nasa.

05.05.2011: Um asteróide gigante que se move em direção à Terra vai passar por nosso planeta em novembro, segundo a previsão de especialistas da agência espacial americana (Nasa, na sigla em inglês).

É a 1ª vez que se prevê passagem tão próxima do planeta por objeto descrito pela Nasa como 'potencialmente perigoso'.

O asteroide foi descoberto no dia 28 de dezembro de 2005 por Robert McMillan, do Programa de Observação Espacial, perto de Tucson, no Arizona, Estados Unidos. As informações são do jornal The Sun e da Nasa.

A rocha do espaço possui quase 400 m de largura e pesa 55 milhões de toneladas, sendo o maior objeto a se aproximar tão perto da Terra. O objeto vai passar a uma distância de 324 mil km do nosso planeta, o que para um astrônomo é considerado como um "fio de cabelo cósmico".

Essa distância é mais próxima da Terra que a Lua, que orbita a mais de 384 mil km. O asteroide, chamado de YU55, é tido oficialmente como um objeto potencialmente perigoso. Se atingir a Terra, teria a força de mais de 65 mil bombas atômicas, deixando uma cratera de quase 10 km de largura e de 600 m de profundidade.

O YU55 orbita em torno do Sol de 14 em 14 meses, porém os especialistas acreditam que o objeto não colidirá contra a Terra até dentro de 100 anos. O asteroide vai poder ser visível com pequenos telescópios por volta do dia 8 de novembro.

Fonte: Terra Notícias.

www.obradoespiritosanto.com

 

 

 

 

       © Últimas e Derradeiras Graças