:: Página Principal.
:: Documentário da Igreja.
:: O Poder da Santa Missa.
:: O Poder do Santo Rosário
:: Aparições de N. Senhora.
:: A Vida dos Santos.
 
:: As Grandiosas Orações.
:: As Orações e Promessas.
:: As Devoções.
 
:: O Relógio da Paixão.
:: A Divina Misericórdia.
:: A Mediação de Maria.
 
:: A Catequese do Papa.
:: Guerreiros da últ. Ordem.
:: Os Sinais do Apocalipse.
 
:: O Estudo da Liturgia.
:: A Imitação de Cristo.
:: Confessai-vos bem.
 
:: Confissões do Inferno.
:: O Milagre de Lanciano.
:: A Contrição Perfeita.
 
:: Eucaristia ou Nada.
:: Beato João Paulo II.
:: Papa Bento XVI.
 
:: O Catecismo da Igreja.

 

NOVENAS À JESUS CRISTO

 

 


 
O Divino Espírito Santo.

 

 

 

> Novena Jesus Cristo Rei

> Novena a Jesus Nazareno I

> Novena a Jesus Nazareno II

> Novena ao Santíssimo Cristo da Vitória

 

 

Novena Jesus Cristo Rei

 

Oração para todos os dias.

 

Onipotente e sempiterno Deus, que quisestes restaurar em vosso querido Filho, Rei do Universo, todas as cosias, concedei-nos que todas as famílias das pessoas desagregadas pela ferida do pecado se submetam a seu suavíssimo império.

Que convosco e o Espírito Santo vive e reina Deus por todos os séculos dos séculos. Amém.

 

Primeiro Dia

 

" A quem buscais?- A Jesus Nazareno? Eu sou".

Senhor e Rei nosso: sempre deixas que descubram vosso amor, ainda quando tuas criaturas tão amadas por Vós, te busquem para martirizar-vos.

Sabendo que vós sois Jesus Nazareno, vos buscamos hoje de novo para prender-vos outra vez, mas não com cadeias e cordas, mas sim com nossas misérias e nossos amores, pois sabemos que é o que mais ata e sujeita vosso misericordioso e amante coração, e assim preso por amor, conduzir-vos em triunfo ao trono que vos tem formado os corações amantes, para que comeces vosso reinado de misericórdia e amor na terra. Amém.

 

Obséquio: Cumprir com fidelidade minhas obrigações por ser laços de amor que me unem com Jesus.

Unindo meu coração ao Coração de Cristo Rei e minhas intenções as suas, rezarei:

Pai-Nosso..., Ave-Maria... e glória...

Eterno Pai, derramai tuas misericórdias sobre toda a terra, reino de vosso Filho Jesus. Amém.

Oh! Cristo Rei!, estabelece vossa paz em vosso reino. Amém.

Espírito Santo, abrasai ao mundo em vosso puríssimo e ardente amor. Amém.

Mãe querida, une cada vez mais e mais a vosso Filho Divino, todo misericórdia, com teus filhos na terra. Amém.

São José, ensinai-nos a amar a Jesus e a Maria. Amém.

 

Segundo Dia

 

"Cristo, adivinha quem vos tem ferido".

Oh! Jesus amante e bom!, aquela noite triste de vossa Paixão vossos olhos divinos viam através dos séculos todos os nossos pecados e esquecias que tão dolorosamente feriam vosso Divino Coração, tanto, que para que vossa pureza não vos fizestes fugir de nós, não como os soldados fecharam vossos olhos, mas sim que agora o amor vende vossos olhos, a fim de que não vejas mais que as almas tanto se perdem sem a vossa graça.

Fazei que essas almas as que com vosso sangue e vossas lágrimas tem lavado e purificado cheguem a amar-vos com tanto entusiasmo, que se cerrem seus olhos a todo o que não sejas Vós Rei de seus amores.

Fazei, Senhor, que os homens vos conheçam e vos amem. Amém.

 

Obséquio:Fechar os olhos a tudo o que não seja Jesus.

Unindo meu coração ao Coração de Cristo Rei e minhas intenções as suas, rezarei:

Pai-Nosso..., Ave-Maria... e glória...

 

Terceiro Dia

 

"Logo vós sois Rei? - bem dizes: Eu sou Rei.-Eu tenho vindo ao mundo para dar testemunho da verdade.- e o que é a verdade?".

 

Deus nosso Senhor é a verdade por essência, e é verdade encantadora, é verdade que entusiasma o coração; que este Deus onipotente se fez Homem por mim, e me amou entre desprezos, entre burlas, entre toda classe de sofrimentos, e não por ser necessário para salvar-me, pois umas gotas de seu sangue bastavam para isso, mas sim por ser necessário ao amor grande e infinito que ardia em seu coração pelas almas.

Senhor, e Rei nosso : ensinai-nos a amar como Vós, sem retroceder ante o sacrifício e a dor, pois queremos sofrer e amar, para que nem um só coração deixe de amar-vos; fazei-los todos vossos.-Amém.

 

Obséquio: Abraçar-me com o que me faça sofrer. Unindo meu coração ao Coração de Cristo Rei e minhas intenções as suas, rezarei:

Pai-Nosso..., Ave-Maria... e glória...

 

Quarto Dia

 

"Desprezando-lhe Herodes com todo seu exército e vestindo-lhe uma roupa branca, dele riram e lhe mandaram a Pilatos."

 

Oh! Jesus divino Rei nosso !, quão grande tem de ser nosso amor até Vós, que pelo nosso quisestes ser zombado e tido por louco, e em verdade, Jesus meu, loucura de amor parece, o que a grandeza de Deus se encerre no corpinho de um Menino, que o poder de Deus esteja sujeito com cravos, que este mesmo Deus e Homem se esconda em uma pequena Hóstia, e enamorado venha buscando a intimidade de nossos corações, para ter neles suas delicias; Jesus amante e bom, que o fogo de vosso amor nos converta também em pequenas hóstias, que escondidas em vosso Coração encontrem verdadeiro asilo, para que vós sejas conhecido e amado.

 

Obséquio: Fugir de todo o que me possa fazer gosto.
Unindo meu coração ao Coração de Cristo Rei e minhas intenções as suas, rezarei:

Pai-Nosso..., Ave-Maria... e glória...

 

Quinto Dia

 

"Vamos a coroar-lhe de Rei.-Salve, Rei dos judeus, e cuspindo lhe tomavam seu bastão e lhe feriam sua cabeça e lhe davam bofetadas."

Que pensavas Jesus meu naquela triste prisão? que desejavas quando eras coroado de espinhos, quando eras maltratado? apenas duas coisas, Oh! sabedoria e amor infinitos: que vossa Eterno Pai fosse glorificado, que as almas se salvassem; e poderíamos pensar as almas em outra coisa que não em Vós?

Poderá nossos corações desejarem outra coisa que não que se repitam por amor aquelas palavras "Salve Rei", mas não apenas dos judeus, mas sim de todas as nações da terra conquistadas com teus sofrimentos e vossa morte?

Que o grito " Vamos a coroar-lhe por Rei! " ressoe por amor em toda a terra, Oh! Deus meu!. Amém.

 

Obséquio: Apartar meu pensamento do que não seja Deus.
Unindo meu coração ao Coração de Cristo Rei e minhas intenções as suas, rezarei:

Pai-Nosso..., Ave-Maria... e glória...

 

Sexto Dia

 

"Ecce Homo.-Eis aqui a vosso Rei."

Oh! divino Jesus!, como te apresentam por Rei, coroado de espinhos vossa cabeça, vossa corpo coberto de feridas, cheios de lágrimas teus olhos; mas era preciso que essa fosse vossa apresentação, pois não apenas sois nosso Rei, mas sim nosso modelo, e nunca melhor que isto podias dizer: "Aprendei de Mim que sou manso e humilde de coração.". Caíram, Senhor, em presença de tanta grandeza, de tanta humildade, de tanto amor, todos os ídolos que ficam em nossos corações. Deixai-nos recolher vosso sangue e tuas lágrimas, para que derramando-as sobre os corações de todas as criaturas sejamos de novo purificados e envoltos no amor. Amém.
 

Obséquio: Procurar com empenho a humildade.

Unindo meu coração ao Coração de Cristo Rei e minhas intenções as suas, rezarei:

Pai-Nosso..., Ave-Maria... e glória...

 

Sétimo Dia

 

"Senhor, lembrai-vos de mim quando vier o vosso reino.-Em verdade te digo que hoje estarás comigo no paraíso."

Quiséramos, Senhor, apresentar no dia de vossa festa os corações de todos os homens rendidos a vosso amor; mas olhai, Rei nosso, quantos milhões deles estão envoltos nas trevas da morte e do pecado e não vos conhecem; por eles vos pedimos nós que temos a sorte de conhecer vosso coração, todo misericórdia. "Senhor, lembrai-vos destes desgraçados quando estiveres em vosso Reino", fazei-nos, Senhor, ouvir: "logo, muito logo estarão comigo no paraíso". Amém.

 

Obséquio: Atos de fé, esperança e caridade.

Unindo meu coração ao Coração de Cristo Rei e minhas intenções as suas, rezarei:

Pai-Nosso..., Ave-Maria... e glória...

 

Oitavo Dia

 

"Mulher, tens aí vosso Filho." "Eis aí vossa Mãe."

Mas um dos soldados lhe abriu o peito com uma lança e saiu dele sangue e água. A Mãe de nosso Deus é nossa Mãe querida! que felicidade e que confiança! o coração de nosso Deus é nosso céu, nosso tesouro. Mãe bendita, queremos amar-vos como vos amava Jesus, e a Ele, como vós o amavas; ensinai-nos as delicadezas do amor, a felicidade da vida de união, de união íntima, confiante, amorosa; fazei-nos pequenos, muito pequenos, para poder entrar e perder-nos no Coração de Jesus, sem ter mais motivo nem desejo que vos amar e fazer-vos amar. Amém.
 

Obséquio:-Consagrarei-me de todo coração a Santíssima Virgem.

Unindo meu coração ao Coração de Cristo Rei e minhas intenções as suas, rezarei:

Pai-Nosso..., Ave-Maria... e glória...

 

Nono Dia

 

"Jesus Nazareno, Rei dos judeus." "Regnavit a ligno Deus" "E ao nome de Jesus dobraram os joelhos no céu, na terra."

Oh! Rei divino!, ao apresentar-vos neste dia bendito nossas adorações, vos oferecemos quanto somos, temos e desejamos; não nos detêm nossa miséria, pois sois todo misericórdia; Confiamos conseguir todos os nossos pedidos, pois sois todo amor e o amor atende sempre, e vos o pedimos em união de nossa Rainha e Mãe Imaculada e dos anjos custódios de todas as almas.

Senhor !, tirai de vosso reino os demônios e a todos teus inimigos e concede a Igreja uma era de paz. Levai a Vós neste dia as almas do purgatório, um perdão geral a todos os pecadores e pondo luz em suas inteligências e amor em seus corações, provai uma vez mais que é maior vossa misericórdia que nossa malícia e miséria. Cheio de amor e pureza aos sacerdotes, aos pequenos e as almas a Vós consagradas, formando delas essas legiões de almas puras, humildes e amantes que vós desejas:

Almas pequenas que como grãos de trigo, formem todas em uma perfeita união de intenções e corações com a Vítima divina do Calvário e do altar uma hóstia que aplaque ao céu pelos pecados da terra e faça descer sobre ela perdão e misericórdia para os desgraçados pobres pecadores, por essas almas que queres que sejam as delicias de vosso Coração na terra e vossa corte de amor no céu.
 

Obséquio: Abandonar-me no coração de Deus.

Unindo meu coração ao Coração de Cristo Rei e minhas intenções as suas, rezarei:

Pai-Nosso..., Ave-Maria... e glória...

 

Depois, se rezam cinco Pai Nossos, cinco Ave-Marias e cinco glórias pelas cinco chagas de Jesus Cristo, e outro Pai-Nosso, pela intenção do Santo Papa, para poder ganhar todas as outras indulgências concedidas a esta devoção.

 

 

Novena a Jesus Nazareno I

 

 

Oração Preparatória para todos os dias:

 

Oh!, Senhor e Deus meu!

Animado por vossa infinita bondade e pelos contínuos favores que outorgais aos que imploram diante de vossa imagem, misericórdia e perdão, a Vos acudo,
Oh! Pai meu, Jesus Nazareno , para oferecer-Vos meus humildes obséquios e apresentar-Vos as necessidades de minha pobre alma.

Confesso que Vos tenho ofendido com grandes faltas, que tenho repetido sem cessar; mas já arrependido, as detesto e proponho ajudado de nossa graça a emendar-me.

Movido, pois, destes sentimentos, Vos rogo,

Oh! meu bom Jesus!, que, pelas dores de vossa Paixão, atendais as súplicas que Vos dirijo nesta Novena, se são de vosso agrado e de proveito para minha alma. Amém.

Rezar a continuação a oração do dia que corresponda:

 

Oração final para todos os dias

 

Oh!, doce e amado Pai meu, Jesus Nazareno! ao considerar vosso amor e a bondade com que me haveis acolhido neste dia, um grito de gratidão se escapa de meus lábios e a recordação de vossas misericórdias embarga minha alma.
Por ganhar meu amor descestes a terra e sofrestes toda classe de penas e trabalhos e morte de cruz.

Por mim também, chegando ao cume de todas as bondades, Vos nós dais no Sacramento do altar, querendo ser nosso manjar, único e perpétuo companheiro .
Por nosso amor Vos apresentais nesta imagem Coroada de espinhos, atado com duros cordões e vestido com hábito de humildade e de paciência.

Graças, Senhor, por tudo!, e a fim de corresponder a vossos favores, Vos peço a graça de cumprir sempre vossa lei, imitar vossas virtudes e viver e morrer em vosso amor. Amém.

 

Primeiro Dia

 

Meditação

A hora da Paixão tem chegado.

Jesus se dirige com seus discípulos ao Horto das Oliveiras, e ali , de joelhos, ora e oferece a seu Eterno Pai suas dores.

A vista das afrontas e morte próxima é tão horrível, que lhe parece desfalecer até suar sangue.

Só o anima o pensamento de que cumpre a vontade de seu Pai e que de sua morte de cruz dependia nossa salvação.

Fazei, Jesus meu, que enxugue vosso suor, detestando meus pecados, causa de vossa Paixão e morte.

Meditar, pede-se a graça que se deseja conseguir e rezar três Pai-Nossos, Ave-Maria e Glória.

 

Terminar com a oração final de todos os dias.

 

Segundo Dia

 

Meditação

Judas chega com seus soldados a prender a Jesus.

Este sai ao sue encontro, e ao receber o beijo do traidor discípulo, os judeus caem sobre Jesus, como lobos sobre um manso Cordeiro.

Preso, pois, com grossos cordões, Jesus é levado, entre insultos e golpes, como um facínora, a presença do Sumo Sacerdote.

Concedei-me, Jesus meu, que eu seja manso e humilde como Vos, sofrendo os desprezos de meus próximos.

Meditar, pede-se a graça que se deseja conseguir e rezar três Pai-Nossos, Ave-Maria e Glória.

 

Terminar com a oração final de todos os dias.

 

Terceiro Dia

 

Meditação

Quem poderá declarar o que Jesus padeceu de parte dos judeus ?
Um vil criado do Pontífice Lhe dá uma bofetada, e Caifás e os príncipes do povo o declaram réu de morte.

Os ministros do passam a noite injuriando-Lhe e maltratando-Lhe ignominiosamente, alguns cospem no rosto e Herodes o despreza
Até Pedro, seu fiel discípulo, se envergonha de conhece-Lo.

E me queixarei eu das penas que tenho merecido por meus pecados?
Senhor, quero sofrer algo por vosso amor.

Meditar, pede-se a graça que se deseja conseguir e rezar três Pai-Nossos, Ave-Maria e Glória .

 

Terminar com a oração final de todos os dias.

 

Quarto Dia

 

Meditação

Os judeus pedem a gritos a morte de cruz para o Salvador.

Pilatos, temendo as ameaças do povo, crê que poderá aplacar se mandar castigar a Jesus.

Atado, pois, a uma coluna o Divino Mestre é açoitado tão barbaramente pelos soldados que seu corpo é do todo despedaçado e coberto de Chagas e de Sangue.

Oh!, Divino Redentor, fazei que eu ame a mortificação, que necessito para apagar meus pecados.

Meditar, pede-se a graça que se deseja conseguir e rezar três Pai-Nossos, Ave-Maria e Glórias.

 

Terminar com a oração final de todos os dias.

 

Quinto Dia

 

Meditação

Como Jesus havia afirmado que era Rei, os soldados de Pilatos quiseram rir de sua realeza.

Para isso mandam sentar a Jesus;

E sobre seus ombros nus jogaram um manto de púrpura, cravaram em sua cabeça uma coroa de afiados espinhos, e em suas mãos colocaram uma cana ao modo de cedro.

Uns de joelhos O escarneciam vilmente, outros Lhe enchiam de escarros, e, com a cana, O golpeiam com ela a cabeça, fincando mais e mais os espinhos.
E eu, ante esta cena tristíssima,não aprenderei a ter paciência, sofrendo por quem tanto sofreu por mim?

Meditar, pede-se a graça que se deseja conseguir e rezar três Pai-Nossos, Ave-Maria e Glória.

 

Terminar com a oração final de todos os dias.

 

Sexto Dia

 

Meditação

Pilatos, ao ver a figura lastimosa de Jesus depois da Coroação de espinhos, pensou que os judeus se comoveriam somente em vê-Lo.

Levam Jesus ao público e dizem: Eis o Homem:

Vede aqui o homem; eu não encontro nenhuma causa de morte.

Mas os judeus, ao verem a Jesus e ouvir as palavras do Presidente, contestaram a gritos: "Crucififica-O, crucifica-O".

Oh!, Jesus meu, ao ouvir o desprezo dos judeus e as blasfêmias de muitos cristãos, protestarei em meu coração dizendo "Viva Jesus!"

"Bendito seja seu Santo Nome!".

Meditar, pede-se a graça que se deseja conseguir e rezar três Pai-Nossos, Ave-Maria e Glória.

 

Terminar com a oração final de todos os dias.

 

Sétimo Dia

 

Meditação

Dada por Pilatos sentença de morte contra Jesus, os judeus se apressaram a por em prática a execução.

Vestem de novo a Jesus com sua túnica, carregam sobre seus ombros uma pesada cruz, e o obrigam a caminhar com os pés atados pelas ruas de Jerusalém.
O povo corre atrás de Jesus, ansioso de encher-Lhe de insultos.

O Salvador tão fatigado, varias vezes caiu por terra, e temendo os soldados que desfalecesse no caminho, obrigaram ao Cirineu a ajudar até o Calvário.

Fazer, Jesus meu, que eu seja vosso Cirineu, levando por amor não por obrigação a cruz que me queirais enviar. Meditar, pede-se a graça que se deseja conseguir e rezar três Pai-Nossos, Ave-Maria e Glória.

 

Terminar com a oração final de todos os dias.

 

Oitavo Dia

 

Meditação

Quase sem vida chegou Jesus ao Calvário, e os cruéis soldados ao cravaram na cruz com grossos cravos. Entre gritos e insultos, O levantaram, caindo Jesus no mais horrível suplício.

Ao ouvir as injúrias de seus inimigos, levantou o Salvador a voz e pediu para eles o perdão e para nós a salvação. Não foram os judeus, Oh! paciente Jesus meu, que Vos crucificaram, mas sim os meus pecados. Por isso direi continuamente : Jesus meu, misericórdia.

Meditar, pede-se a graça que se deseja conseguir e rezar três Pai-Nossos, Ave-Maria e Glória.

 

Terminar com a oração final de todos os dias.

 

Nono Dia
 

Meditação

Oh!, meu amado Jesus!

Que bem representa essa vossa imagem de Nazareno o muito que fizestes e sofrestes por nós!

Cativo dos que tanto Vos injuriaram e maltrataram, nos destes exemplo de paciência invencível.

Em nossa pátria, entrareis como Rei de amor, que rege e governa os corações de vossos escravos e devotos. Oh!, bom Jesus! Regei e governai os afetos de meu coração, para que Vos sirva como a meu Deus e Senhor. Amém.

Meditar, pede-se a graça que se deseja conseguir e rezar três Pai-Nossos, Ave-Maria e Glória.

 

Terminar com a oração final de todos os dias.

 

Novena a Jesus Nazareno II

 

Oração Preparatória

 

Dulcíssimo Jesus Nazareno! Prostrado a vossos pés, reconheço minhas ingratidões para com Vós, e, arrependido de meus pecados, proponho, com vossa ajuda, não voltar a ofender-vos.

Animado por vossa infinita bondade e pelos muitos favores que outorgais aos que imploram ante vossa imagem misericórdia e perdão, vos peço, Oh! meu bom Jesus!, que, em memória de vossa Paixão, atendais minhas súplicas nesta novena, se são de vosso agrado e para proveito de minha alma. Amém.

Pede-se a graça que se deseja conseguir.

 

Invocações:

 

Jesus Nazareno, por vossa Paixão, tende misericórdia de nós.
Pai-Nosso, Ave-Maria e glória.
Jesus Nazareno, acendei em vosso amor nossos corações.
Pai-Nosso, Ave-Maria e glória.
Jesus Nazareno, salvai nossas almas redimidas com vosso Sangue.
Pai-Nosso, Ave-Maria e glória.

 

Oração Final

 

Pai nosso Jesus Nazareno! ao considerar vossa bondade e vosso amor para comigo, um grito de gratidão sai de mais lábios, dizendo-vos: Jesus meu, Vos amo! Por nosso amor descestes a terra e sofrestes dores acerbadíssimas, morrendo cravado em uma cruz; Por nosso amor vos destes, como manjar, no Sacramento de nossos altares; Por nosso amor vos manifestais nessa Imagem bendita, coroado de espinhos, com os olhos lânguidos e o rosto dolorido, símbolo de vosso sofrimento.

Graças, Senhor ! e para corresponder a tantos favores vos peço a graça de cumprir sempre vossa lei santa e de morrer em vosso amor. Amém.

 

Novena ao Santíssimo Cristo da Vitória

 

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

 

Ato de Contrição

Senhor meu Jesus Cristo, meu Deus, meu Pai e Redentor: Por ser Vos quem sois, e porque Vos amo, como a bondade infinita sobre todas as coisas, me pesa de ter-Vos ofendido, e com vossa graça proponho confessar-me e fugir das ocasiões de pecado.

Pela Vitória que na Cruz alcançastes contra o demônio, o pecado e a morte, Vos suplico, Senhor me concedas nesta vida, para Glória vossa, a Vitória sobre todas as minhas paixões, a fim de que eu possa lograr uma santa morte. Amém.

 

Orações Finais para todos os dias

 

Oração a Chaga do ombro de Jesus

São Bernardo perguntou ao Divino Salvador, qual foi sua dor na paixão mas desconhecida pelos homens.

Jesus lhe respondeu: Tinha uma Chaga profundíssima no ombro sobre o qual carreguei minha pesada cruz; Essa Chaga era a mas dolorosa de todas. Os homens não a conhecem. Honrai pois esta Chaga e farei todo o que por ela peças...

 

Oração

Oh! amado Jesus, manso Cordeiro de Deus, a pesar de ser eu uma criatura miserável e pecadora, te adoro e venero a Chaga causada pelo peso de vossa cruz que abrindo vossas carnes desnudou os ossos de vosso ombro sagrado e da qual vossa Mãe Dolorosa tanto se compadeceu.

Também eu, Oh! caríssimo Jesus, me compadeço de Vos e desde o fundo de meu Coração te glorifico e te agradeço por esta Chaga dolorosa de vosso ombro na que quisestes carregar vossa cruz por minha salvação.

Ah! pelos sofrimentos que padecestes e que aumentaram o enorme peso de vossa cruz, rogo-te com muita humildade, tende piedade de mim pobre criatura pecadora, perdoai meus pecados e conduzi-me ao Céu pelo caminho da cruz.

 

Se rezam sete Ave-Marias e se agrega:

 
Mãe Santíssima imprime em meu Coração as chagas de Jesus Cristo crucificado...
(Indulgência de 300 dias)


Oh! dulcíssimo Jesus, não sejas meu Juiz mas sim meu salvador...
(Indulgência de 100 dias)


 

Oração final

Pacientíssimo Deus meu:

Eu adoro vosso amantíssimo Coração, em companhia de vossa Santíssima Mãe e de todos os Anjos e santos, especialmente dos que tem sido mais devotos de vossa Paixão: E Vos suplico me concedas pelas dores que por mim padecestes, a graça que Vos peço nesta novena, se há de ser para Glória vossa e bem de minha alma.

Oh!, Santíssima Mãe de Deus! alcançai-me o amor de vosso divino Filho para amá-lo, imitá-lo e segui-Lo nesta vida e adorá-lo no Céu. Amém.

 

 

Primeiro Dia

 

Santíssimo Cristo da Vitória:

Pela Coroa de espinhos que atormentou vossa divina cabeça, Vos suplico me concedas o perdão de todos meus pecados de pensamentos, e me fortaleça com vossa graça para que com toda a minha mente Vos ame e Vos glorifique. Amém.
Pede-se as graças que se deseja alcançar rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias todos os dias.

 

Segundo Dia

 

Santíssimo Cristo da Vitória:

Pela dolorosíssima flagelação que quisestes padecer em todo vosso Santíssimo corpo para expiar meus pecados, vos suplico me concedas a graça de não ofender-vos mais com meu corpo; que seja nele feito o templo vivo do Espírito Santo. Amém.

 

Terceiro Dia

 

Santíssimo da Vitória:

Pela profunda e dolorosa Chaga de vosso ombro, marcada com a cruz de meus pecados, Vos suplico me concedas a graça de abraçar com fé e amor a cruz de cada dia, para expiar meus próprios desvios e os de toda a humanidade pecadora. Amém

 

Quarto Dia

 

Santíssimo Cristo da Vitória:

Pelas feridas e abundante sangue que derramastes por vossos joelhos, ao cair três vezes no caminho do Calvário, Vos suplico me concedas a graça de levantar-me sempre de minhas quedas e recaídas no pecado, fazendo uma boa confissão e esforçando-me em viver em vossa graça e amizade. Amém.

 

Quinto Dia

 

Santíssimo Cristo da Vitória:

Pela profunda Chaga de vossa mão esquerda e pela dor que padecestes ao ser cravada na Cruz, Vos suplico me perdoeis todo quanto Vos ofendi com minhas mãos, e me concedas a graça de usá-las em obras de caridade e em proceder tudo o que é bom e reto ante vossos olhos. Amém.

 

Sexto Dia

 

Santíssimo Cristo da Vitória:

Pela dolorosíssima Chaga de vossa mão direita e pelo tormento que sofrestes ao ser cravada na Cruz, Vos suplico me perdoeis todos os meus pecados de omissão, todo o bem que deixei de praticar por respeitos humanos, e me concedas a graça de praticar todo o bem possível aos outros, para imitar a Vós. Amém

 

Sétimo Dia

 

Santíssimo Cristo da Vitória:

Pelas profundas chagas e abundante Sangue que manaram de vossos pés divinos ao serem cravados na Cruz, Vos suplico me perdoeis todo quanto Vos ofendi caminhando por caminhos de erros e de pecado, e me concedas a graça de não separar-me de vossa Santíssima vontade. Amém.

 

Oitavo Dia

 

Santíssimo Cristo da Vitória:

Por vossa dolorosíssima agonia na Cruz e pelo desamparo em que Vos deixou vosso Pai Celestial naquela hora suprema, Vos peço a graça de uma santa morte, acompanhado por Vós e por vossa Mãe Santíssima e Mãe Nossa, merecendo por vossos méritos infinitos e por sua intercessão maternal, morar para sempre no Céu. Amém.

 

Nono Dia

 

Santíssimo Cristo da Vitória:

Pela profunda lançada com que foi atravessado vosso peito e Sagrado Coração, depois de morrer na Cruz, e pela fonte de sangue e água que brotaram dessa bendita Chaga, Vos suplico lavais minha alma, meu corpo, minha vida e todo meu ser, e me revestis do homem novo, a vossa imagem e semelhança, para que possa amar-Vos e servir-Vos fielmente durante toda a minha vida, buscando vossa maior Glória e a salvação de minha alma. Amém.

 

       © Últimas e Derradeiras Graças