:: Página Principal.
:: Documentário da Igreja.
:: O Poder da Santa Missa.
:: O Poder do Santo Rosário
:: Aparições de N. Senhora.
:: A Vida dos Santos.
 
:: As Grandiosas Orações.
:: As Orações e Promessas.
:: As Devoções.
 
:: O Relógio da Paixão.
:: A Divina Misericórdia.
:: A Mediação de Maria.
 
:: A Catequese do Papa.
:: Guerreiros da últ. Ordem.
:: Os Sinais do Apocalipse.
 
:: O Estudo da Liturgia.
:: A Imitação de Cristo.
:: Confessai-vos bem.
 
:: Confissões do Inferno.
:: O Milagre de Lanciano.
:: A Contrição Perfeita.
 
:: Eucaristia ou Nada.
:: Beato João Paulo II.
:: Papa Bento XVI.
 
:: O Catecismo da Igreja.


 
O Divino Espírito Santo.

 

www.obradoespiritosanto.com

 

 

 

Novena oficial

em honra do Divino Espírito Santo

 

 

A novena do Espírito Santo é o modelo de todas as novenas. Por ordem de Jesus a celebrou a Virgem Maria em união com os Apóstolos, como preparação à vinda do Espírito Santo Consolador. O Papa Leão XIII enriqueceu-a com muitas indulgências. Devemos, pois, celebrá-la, cada ano, com muito fervor; e a devotíssima Seqüência, que forma parte da novena, deve ser uma das nossas fórmulas de oração vocal mais favoritas.

 

 

Seqüência da Missa de Pentecostes

 

 

Vinde, Espírito Santo e enviai do céu um raio de Vossa luz.

Vinde, Pai dos pobres, vinde, distribuidor dos bens, vinde luz dos corações.

Consolador ótimo, doce hóspede das almas e suave refrigério.

Nos trabalhos sois o repouso, no calor o frescor, nas lágrimas a consolação.

Ó luz beatíssima, inflamai o íntimo dos corações dos Vossos fiéis.

Sem a Vossa graça nada há no homem, nada de inocente.

Lavai o que é sórdido, regai o que é seco, sarai quem está ferido.

Dobrai o que é duro, abrasai o que é frio e reconduzi o desviado.

Concedei aos Vossos servos, que em Vós confiam, os sete dons sagrados.

Dai-lhes o mérito das virtudes, o êxito da salvação e a alegria perene.  Amém.

 

Ó Espírito Santíssimo, fogo sagrado que alumiais as almas e abrasais os corações:  por misericórdia Vossa, Senhor, a nossa pobre alma Vos deseja, invoca-Vos e Vos procura para que a purifiqueis das suas manchas, para que a ilumineis nas suas trevas e lhe comuniqueis os Vossos dons.  Sim, dignai-Vos consagrar a nossa alma com a unção da Vossa graça, para que ela se converta em templo Vosso.  Purificai a nossa memória, para que ela sempre recorde os Vossos benefícios; ilustrai o nosso entendimento, para que saiba meditar a Vossa lei; inflamai a nossa vontade, para que ela, respeitosa e dócil, se submeta em tudo à Vossa vontade.  E visto que somos tão miseráveis, purificai todos os afetos do nosso coração, para que ele se torne digno dos Vossos dons.

 

Jaculatórias 

 

1° Vinde, Divino Espírito,

Vinde, ó dom da ciência,

Dispor-me para que seja

Digno de Vossa assistência.

Pai Nosso, Ave Maria, Glória ao Pai.

               

2° Vinde Divino Espírito,

Vinde, dom de piedade

Nesta divina virtude

Inflamai a minha vontade.

Pai Nosso, Ave Maria, Glória ao Pai.

 

3° Vinde, Divino Espírito,

Dar-me um santo temor,

Para que a toda a culpa

Tenha minha alma horror.

Pai Nosso, Ave Maria, Glória ao Pai.

 

 

Oração para pedir os

 

7 dons do Espírito Santo

 

 

Ó Jesus, que antes de subirdes aos céus, prometestes aos Vossos Apóstolos e discípulos enviar-lhes o Espírito Santo para os consolar e fortalecer, dignai-Vos fazer descer também sobre nós este Espírito consolador.

Vinde Espírito de sabedoria, e fazei-nos  conhecer a verdadeira felicidade dando-nos os meios para consegui-la.

Vinde, Espírito de inteligência, que, por Vossa divina luz, nos fazeis penetrar as verdades e os mistérios de nossa santa Religião.

Vinde, Espírito de conselho, e ajudai-nos a discernir em todas as ocasiões o que devemos fazer para cumprir com a Vossa divina vontade.

Vinde, Espírito de fortaleza, e prendei-nos a Deus e aos nossos deveres de maneira que nada jamais nos possa abalar.

Vinde, Espírito de ciência que, único, nos podeis dar o perfeito conhecimento de Deus e de nós mesmos. Pedimo-Vos esta ciência divina e única necessária com todo o ardor de nossa alma.

Vinde, Espírito de piedade, para que saibamos executar com alegria e prontidão o que Deus nos manda e para que, pela unção de Vosso divino amor, achemos verdadeiramente leve e suave o jugo do Senhor.

Vinde, Espírito de temor de Deus, e fazei-nos evitar com o maior cuidado tudo o que possa desagradar ao nosso Pai celestial.

Glória a Vós, Pai Eterno, que com o Vosso Filho único e o Espírito consolador, viveis e reinais por todos os séculos dos séculos.  Amém.

 

 

Hino “Veni Creator”


 

Veni, Creator Spíritus:

Vinde, Espírito Criador,

mentes tuórum visita,

visitai as almas dos Vossos;

imple supérna grátia,

enchei de graça celestial

quae tu creásti péctora.

os corações que criastes!

 

 

Qui díceris Paráclitus,

Sois o Divino Consolador,

altíssimi donum Dei,

o dom do Deus Altíssimo,

fons vivus, ignis, cáritas,

fonte viva, o fogo, a caridade,

et spiritális únctio.

a unção dos espirituais.

 

 

Tu septifórmis múnere,

Com os Vossos sete dons:

dígitus paternae déxterae,

sois o dedo da direita de Deus,

tu rite promíssum Patris,

Solene promessa do Pai

sermóne ditans gúttura.

Inspirando nossas  palavras.

 

 

Accénde lumen sénsibus,

Acendei a luz nos sentidos;

infunde amórem córdibus:

insuflai o amor nos corações,

infírma nostri córporis

amparai na constante virtude

virtúte firmans pérpeti.

a nossa carne enfraquecida.

 

 

Hostem repéllas lóngius,

Afastai para longe o inimigo;

pacémque dones prótinus;

Trazei-nos prontamente a paz

ductóre sic te praevio

Assim guiados por Vós

vitemus omne noxium

Evitaremos todo o mal.

 

 

Per te sciámus da Patrem,

Por Vós explicar-se-á o Pai

noscamus atque Filium;

E conheceremos o Filho;

teque utriúsque Spíritum

Dai-nos crer sempre em Vós

credamus omni témpore.

Espírito do Pai e do Filho.

 

 

Deo Patri sit glória,

Glória ao Pai, Senhor,

et Fillio, qui a mórtuis

Ao Filho que ressuscitou

surréxit, ac Paráclito,

Assim como ao Consolador.

in saeculórum saecula.

Por todos os séculos. Amém

 

 

V/ Emítte Spíritum tuum, et creabúntur.
R/ Et renovábis fáciem terrae.  

V/  Enviai, Senhor, o vosso espírito e tudo será criado 
 R/ E renovareis a face da terra

 

 

Oração

Deus qui corda fidélium Sancti Spíritus illustratióne docuísti: da nobis in eódem Spíritu recta sápere; et de ejus semper consolatióne gaudére. Per Christum dominum nostrum. Amém

Ó Deus, que ilustrastes os corações dos fiéis com as luzes do Espírito Santo, dai-nos, pelo mesmo Espírito, procurar o que é reto, e nos alegrarmos sempre com a sua consolação.  Por Jesus Cristo Nosso Senhor. Amém

 

 

 

 

       © Últimas e Derradeiras Graças